Lançamento do Mapa Colaborativo do Óleo

Lançamento do mapa colaborativo dos registros fotográficos do maior desastre ambiental do litoral do Brasil: o vazamento de petróleo cru que atingiu o NE e parte do SE brasileiros em 2019.

Entre agosto de 2019 e janeiro de 2020, o óleo alcançou o litoral dos nove estados do Nordeste e, em menor grau, dois do Sudeste, alastrando-se por mais de 3.000 km, do Maranhão ao Rio de Janeiro, incluindo cerca de 55 Áreas de Proteção Marinhas.

O mapa colaborativo da chegada de óleo no Nordeste brasileiro em 2019 e 2020 tem o intuito de obter um retrato da magnitude do evento e fortalecer a rede de monitoramento participativo que emergiu da sociedade diante dessa tragédia. Este mapa é um produto resultante da “Ação Emergencial para resposta às questões do acidente com óleo em 2019“, do Programa Ciência no Mar, do MCTI. O desenvolvimento dessa ferramenta tem como objetivo principal sistematizar e compartilhar as informações disponíveis para auxiliar na compreensão dos impactos sociais e ambientais, e na integração das ações da comunidade com a academia e o poder público, facilitando o monitoramento participativo contínuo dos ambientes costeiros.

Esse trabalho ocorre no âmbito do GT4 – Derrames de Óleo do INCT AmbTropic II e integra o projeto piloto de monitoramento participativo de ambientes costeiros, com ênfase em eventos de chegada de petróleo na costa tropical do Brasil.

Foi realizado em parceria com o grupo de voluntários Guardiões do Litoral, o fotógrafo Mateus Morbeck, o aplicativo Mar Limpo desenvolvido pela Oceânica, o Grupo de Amigos da Praia (GAP), a ong Salve Maracaípe, o movimento Xô Plástico e outras colaborações individuais. Além dos registros disponibilizados pelo IBAMA.

Este é um projeto em permanente atualização. Pretendemos ampliar nossa rede de colaboração continuamente.

O GT4 – Derrames de Óleo do INCT AmbTropic II tem como objetivo realizar uma avaliação integrada dos impactos sofridos pelos ecossistemas e pela população da região costeira advindos do vazamento órfão de petróleo cru que atingiu o NE e parte do SE brasileiros.

Nossa rede, estabelecida pela Ação Emergencial do Programa Ciência no Mar (MCTI-CNPq), num acordo com o INCT PRO-OCEANO e INCT MAR-COI, executa o projeto em conjunto com INCT TeraNano, com o PELD Costa dos Corais – Alagoas, com o PELD Tamandaré Sustentável, além de três projetos financiados pelo programa Entre Mares CAPES, Avaliação dos impactos do derrame de óleo em manguezais utilizando ferramentas geoquímicas e eDNA, Impacto na saúde do derramamento do petróleo na costa da Bahia e Impactos Socioeconômicos do Derramamento de Óleo e Estratégias de Resiliência em Comunidades Pesqueiras do Município de Canavieiras, no Sul da Bahia

Acesse o mapa pelo link e saiba mais.